(65) 3491-1676 contato@cartoriodeitiquira.com.br

Casamento religioso com efeito civil: praticidade e economia em cerimônia dupla

Autoridade religiosa preside união e emite termo a ser trocado pela certidão de casamento

Casamento é tudo igual: primeiro, uma cerimônia mais íntima para registrar a união no civil; depois a celebração religiosa seguida de festa. Mas não precisa ser sempre assim, já que na hora de subir ao altar os noivos podem economizar tempo e dinheiro ao optarem por uma cerimônia religiosa com efeito civil, ou seja, é possível realizar as duas cerimônias ao mesmo tempo.

Para realizar esse tipo de casamento, é necessário um celebrante para presidir a cerimônia, de qualquer religião. A certidão de casamento não é emitida na hora, como é feita na união civil, mas os cônjuges recebem o Termo de Casamento Religioso com Efeito Civil. Posteriormente, esse documento deve ser encaminhado ao cartório para ser substituído pela certidão de casamento civil.

Saiba como fazer um casamento religioso com efeito civil

  • Os noivos devem dar entrada no casamento em cartório de 30 a 60 dias antes da data prevista, acompanhados das testemunhas. O cartório, por sua vez, agendará data para a retirada da Certidão de Habilitação, documento que atesta que ambos estão desimpedidos para a união;
  • Com a Certidão de Habilitação em mãos, os noivos devem encaminhá-la à autoridade religiosa que presidirá o casamento. A partir do documento, será emitido o Termo de Casamento Religioso com Efeito Civil, o qual será assinado pelo casal, padrinhos e celebrante na cerimônia;
  • Após a cerimônia, o Termo de Casamento Religioso com Efeito Civil deverá ter a firma do celebrante reconhecida. Por fim, o documento precisará ser levado ao cartório onde o casal iniciou o processo para que seja trocado pela certidão de casamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *